27.4.09

Pense...

Pense, pense, pense...
Pense numa coisa pontuda, pontiaguda,
parecendo uma ponta de lança,
para que você possa chutar...

E mesmo que você tivesse um sapato de aço,
cavalo de aço,
você iria rasgar o dedão.

Este é um poema de Ângelo Bueno que França cantava nos recitais das meias-noite de quintas-feiras onde quer que estivesse.
E nós cantávamos juntos:
"Pense, pense, pense..."
Pense na falta que esse negro faz!


2 comentários:

Anônimo disse...

Evinha,
Foi este sapatinho que dobrei na casa da Helena sábado passado. Mas o seu ficou perfeito !!!
Vou precisar dobrar "alguns" destes para a FENEART.
Podíamos fazer uns sapatinhos de cristal ? Que achas ?
Beijinhos
da Manga Rosa

andrea disse...

adorei esse salto agulha!!!!
:P